Projeto iGestSaude

Projeto iGestSaude
Projeto iGestSaúde

iGestSaúde

APLICATIVO DE AUTOGESTÃO DA DOENÇA HEMATO-ONCOLÓGICA


OBJETIVO:
  • Monitorizar e apoiar a autogestão da doença e do regime terapêutico das pessoas com doença hemato-oncológica em tratamento de quimioterapia e imunoterapia, com vista à implementação de boas práticas nos cuidados a estes doentes.

RESUMO:

O iGestSaúde é um projeto de ligação do doente hemato-oncológico em tratamento de quimioterapia ou imunoterapia no domicílio aos cuidados de saúde. Tem como finalidade contribuir para a otimização de práticas clínicas, permitindo a melhoria do bem-estar e da qualidade de vida dos doentes hemato-oncológicos, trazendo ganhos em eficiência e nos resultados em saúde, potenciando, lato sensu, a adequação das políticas de saúde.
As pessoas que se encontram a realizar tratamento de quimioterapia ou de imunoterapia para uma doença hemato-oncológica, nomeadamente aquelas cujo tratamento se realiza, parcial ou totalmente no domicílio, demonstram necessidade de promover o autocuidado e a  autogestão da doença e sua sintomatologia, com o objetivo de melhor viver o seu projeto de vida, aderindo, em simultâneo, às indicações terapêuticas e mantendo a sua doença monitorizada e controlada.
Este projeto tem como objetivo fundamental desenvolver uma aplicação móvel de monitorização e controlo da gestão do regime terapêutico neste grupo de pessoas com vista a reforçar a comunicação entre os doentes e profissionais de saúde, favorecer a adesão às indicações terapêuticas e responder, atempadamente e de forma proactiva, aos sintomas ou complicações que possam surgir associados à doença, melhorando, assim, a eficácia da terapêutica, prevenindo complicações e melhorando a sua perceção de saúde e qualidade de vida. De facto, as intervenções em saúde devem transformar o comportamento na direção da melhoria desejada e no empowerment da pessoa, facilitando, deste modo, a autogestão. Neste âmbito, será necessário encontrar ferramentas de interação direta e proativa com a população alvo, que permitam a otimização da partilha de intervenções com os utilizadores, nomeadamente por intermédio da gamificação, complementados com grupos de discussão ou fóruns.


PARCEIROS
  • Escola Superior de Enfermagem do Porto (ESEP)
  • Escola Superior de Saúde de Santa Maria (ESSSM)
  • Universidade Fernando Pessoa (UFP)
  • Unidade Local de Saúde de Matosinhos (ULSM) - Hospital de Dia de Oncologia
  • Associação de Enfermagem Oncológica Portuguesa (AEOP)
  • Centro de Computação Gráfica


EQUIPA DE INVESTIGAÇÃO:

Célia Santos [ESEP]  - Investigador responsável
Bruno Miguel Magalhães [ESSM]
Carla Sílvia Fernandes [UFP]

« Voltar

Pesquisa
Quem é quem?
Use esta funcionalidade para encontrar informação de contacto sobre Docentes, Funcionários e Alunos.
Sondagem