Ano letivo 2018/2019

Ano letivo 2018/2019
CREDITAÇÕES 2018/2019
Ata n.º 39/2018 do CTC de 8 de outubro

Documento 2018/2335, relativo ao pedido de creditação enviado por Tânia Sofia Pereira Correia, estudante n.º 4962, solicitando creditação a unidades curriculares do CPGGSE. Decisão do CTC: Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos do Curso de Pós Licenciatura de Especialização em Enfermagem de Saúde Mental e Psiquiátrica da Escola Superior de Enfermagem da Cruz Vermelha Portuguesa, concluídas com aproveitamento por Tânia Sofia Pereira Correia, no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis e do parecer da coordenadora do respetivo curso, o CTC, decidiu deferir o pedido nos termos seguintes: 
- Ética em Enfermagem (2 ECTS) do CPGGSE – creditada com 17 valores, a partir da unidade curricular Ética de Enfermagem (2 ECTS) do Curso de Pós-Licenciatura de Especialização em Enfermagem de Saúde Mental e Psiquiátrica da Escola Superior de Enfermagem da Cruz Vermelha Portuguesa, com 17 valores.

Documento 2018/2435, relativo ao pedido de creditação enviado por Patrícia Raquel Rodrigues Homem e Silva, estudante n.º 4371, solicitando creditação a unidades curriculares do MDCSE. Decisão do CTC: Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos do Curso de Mestrado em Feridas e Viabilidade Tecidular, do Instituto de Ciências da Saúde da Universidade Católica Portuguesa, concluídas com aproveitamento por Patrícia Raquel Rodrigues Homem Silva, no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis e do parecer da coordenadora do respetivo curso, o CTC, decidiu deferir o pedido nos termos seguintes: 
- Investigação em Enfermagem (4 ECTS) do MDCSE, com classificação de 19 valores, a partir da unidade curricular Investigação em Saúde (6 ECTS) do Curso de Mestrado em Feridas e Viabilidade Tecidular, com 19 valores; 
- Metodologias de Análise Quantitativa de Dados (3 ECTS) do MDCSE, com classificação de 18 valores, a partir da unidade curricular Metodologias de Investigação I (6 ECTS) do Curso de Mestrado em Feridas e Viabilidade Tecidular, com 18 valores; 
- Metodologia de Análise Qualitativa de Dados (3 ECTS) do MDCSE, com a classificação de 16 valores, a partir da unidade curricular Metodologias de Investigação II (9 ECTS) Curso de Mestrado em Feridas e Viabilidade Tecidular, com 16 valores.




Documento 2018/3066, relativo ao pedido de creditação enviado por Carla Sofia Azevedo Barbosa Neto, estudante n.º7992, solicitando creditação a unidades curriculares do CPLEEC. Decisão do CTC: Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos do Curso de Formação "Introdução à Supervisão Clinica”, da Administração Regional de Saúde – Norte, a que a requerente obteve aproveitamento, no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis e do parecer da coordenadora do respetivo curso, o CTC decidiu denegar o pedido, considerando que a formação não foi realizada numa Instituição de Ensino Superior e ainda que o número de horas do curso supracitado (30H) é inferior ao da unidade curricular "Introdução à Supervisão Clinica em Enfermagem” do Curso de Pós-Licenciatura de Especialização em Enfermagem Comunitária, com 2 ECTS (50 horas).

Documento 2018/3128, relativo ao pedido de creditação enviado por Noémia Alexandra Botelho Paiva, estudante n.º 8107, solicitando creditação a unidades curriculares do CPGGSE. Decisão do CTC: Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos das unidades curriculares do Curso de Pós Licenciatura de Especialização de Enfermagem em Reabilitação, da Universidade do Minho, concluídas com aproveitamento por Noémia Alexandra Botelho Paiva, no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis e do parecer da coordenadora do respetivo curso, o CTC, decidiu deferir o pedido nos termos seguintes:
- Prática baseada na evidência (2 ECTS) - creditada com 16 valores, a partir da unidade curricular trabalho de Projeto I (5 ECTS) do Curso de Pós-Licenciatura de Especialização de Enfermagem em Reabilitação, da Universidade do Minho com 16 valores.

Documento 2018/3191, relativo ao pedido de creditação enviado por Tatiana Fontes Silva, n.º 7480, solicitando creditação a unidades curriculares do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Tatiana Fontes Silva no Curso de Licenciatura em Gerontologia da Universidade de Aveiro, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis e do parecer do coordenador do curso, o CTC, decidiu deferir o pedido nos termos seguintes:
=> Anatomia (3 ECTS) – creditada com 12 valores, a partir da unidade curricular do Curso de Licenciatura em Gerontologia, Anatomia e Fisiologia II (6 ECTS), com a classificação de 12 valores;
=> Patologia II (3 ECTS) – creditada com 12 valores, a partir da unidade curricular do Curso de Licenciatura em Gerontologia, Introdução à Patologia (4 ECTS), com a classificação de 12 valores;
=> Psicologia da Saúde (6 ECTS) – creditada com 14,4 valores (a partir das unidades curriculares do Curso de Licenciatura em Gerontologia, Psicologia Relacional (4 ECTS), com a classificação de 15 valores e Intervenção Psico-Educativa (6 ECTS), com a classificação de 14 valores.



Ata n.º 38/2018 do CTC de 1 de outubro

Documento 2018/2102, relativo ao pedido de creditação enviado por Hugo Miguel Santos Duarte, n. º7973, solicitando creditação a unidades curriculares do MDCSE. Decisão do CTC: Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos das unidades curriculares do Curso de Doutoramento em Enfermagem realizado no Instituto de Ciências da Saúde da Universidade Católica e do Mestrado em Enfermagem à Pessoa em Situação Crítica da Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico de Leiria, concluídas com aproveitamento por Hugo Miguel Santos Duarte, no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis e do parecer da coordenadora do respetivo curso, o CTC, decidiu deferir o pedido nos termos seguintes:
- Investigação em Enfermagem (4 ECTS) - creditada com 18 valores, a partir da unidade curricular Métodos de Investigação I (6 ECTS) do Curso de Doutoramento em Enfermagem da Universidade Católica, com 18 valores; 
- Métodos de Análise Qualitativa de dados (3 ECTS) – creditada com 16 valores, a partir da unidade curricular Métodos de Investigação II (12 ECTS) do Curso de Doutoramento em Enfermagem da Universidade Católica, com 16 valores;
- Métodos de análise quantitativa de dados (3 ECTS) - creditada com 17 valores, a partir da unidade curricular Métodos de Investigação III (6 ECTS) do Curso de Doutoramento em Enfermagem da Universidade Católica, com 17 valores;
- Formação em Contexto Clínico (5 ECTS) - creditada com 19 valores, a partir da unidade curricular Educação em Enfermagem (18 ECTS) do Curso de Doutoramento em Enfermagem da Universidade Católica, com 19 valores; 
- Introdução à Supervisão Clínica em Enfermagem (2 ECTS) - creditada com 19 valores, a partir da unidade curricular Supervisão de Cuidados (3 ECTS) do Mestrado em Enfermagem à Pessoa em Situação Crítica da Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico de Leiria, com 19 valores; 
- Prática Baseada na Evidência (2 ECTS) - creditada com 17 valores, a partir da unidade curricular Metodologias de Investigação Aplicada (3 ECTS) do Mestrado em Enfermagem à Pessoa em Situação Crítica da Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico de Leiria, com 17 valores.
O CTC, decidiu ainda, denegar a creditação às unidades curriculares: Economia e Finanças em Saúde (3 ECTS) do MDCSE; Qualidade em Enfermagem em Saúde (3 ECTS) do MDCSE; Conceitos e Métodos de Gestão em Enfermagem ( 3 ECTS) do MDCSE; Gestão de Recursos Humanos em Enfermagem e Saúde ( 5 ECTS) do MDCSE; Processos de Trabalho em Enfermagem e Saúde (3 ECTS) do MDCSE, e Sistemas de Apoio à Tomada de Decisão em Enfermagem (2 ECTS) do MDCSE, por manifesta falta de conteúdos equivalentes.

Documento 2018/2962, relativo ao pedido de creditação enviado por Ricardo José Ferreira de Sousa, n.º7430, solicitando creditação a unidades curriculares do MDCSE. Decisão do CTC: Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos das unidades curriculares do Curso Mestrado em Infeção em Cuidados de Saúde, realizado no Instituto de Ciências da Saúde da Universidade Católica, concluídas com aproveitamento por Ricardo José Ferreira de Sousa, no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis e do parecer da coordenadora do respetivo curso, o CTC, decidiu deferir o pedido nos termos seguintes:
- Investigação em Enfermagem (4 ECTS) – creditada com 20 valores, a partir da unidade curricular Métodos de Investigação I (6 ECTS) do Mestrado em Infeção em Cuidados de Saúde da Universidade Católica, com 20 valores; 
- Métodos de Análise Qualitativa de dados (3 ECTS) – creditada com 19 valores, a partir da unidade curricular Métodos de Investigação II (9 ECTS) do Mestrado em Infeção em Cuidados de Saúde da Universidade Católica, com 19 valores;
- Métodos de análise quantitativa de dados (3 ECTS) - creditada com 19 valores, a partir da unidade curricular Métodos de Investigação II (9 ECTS) do Mestrado em Infeção em Cuidados de Saúde da Universidade Católica, com 19 valores.

Documento 2018/2103, relativo ao pedido de creditação enviado por Liliana Cláudia Braz Fernandes, estudante n.º7998, solicitando creditação a unidades curriculares do CPLEESMP. Decisão do CTC: Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos das unidades curriculares do Curso de Pós-Licenciatura de Especialização em Enfermagem Médico-Cirúrgica e da Pós Graduação em Enfermagem – Opção Saúde dos Idosos, realizados no Instituto de Ciências da Saúde da Universidade Católica e no Curso de Pós-Graduação em Gestão e Administração de Serviços de Saúde para Enfermeiros, do Instituto Politécnico de Saúde do Norte (CESPU), concluídas com aproveitamento por Liliana Cláudia Braz Fernandes, no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis e do parecer do coordenador do respetivo curso, o CTC, decidiu deferir o pedido nos termos seguintes:
- Epistemologia da Enfermagem (2 ECTS) - creditada com 16 valores, a partir da unidade curricular de Fundamentos Teóricos e Conceções de Enfermagem do Curso de Pós-Graduação em Enfermagem – Opção Saúde dos Idosos (UCP), com 12 ECTS, concluída com 16 valores;
- Prática baseada na evidência (2 ECTS) - creditada com 16 valores, a partir da unidade curricular de Metodologias de Investigação do Curso de Pós Graduação em Enfermagem – Opção Saúde dos Idosos (UCP), com 14 ECTS, concluída com 16 valores;
- Ética de Enfermagem (2 ECTS) - creditada com 18 valores, a partir da unidade curricular de Ética, do Curso de Pós Graduação em Enfermagem – Opção Saúde dos Idosos (UCP), com 8 ECTS, concluída com 18 valores;
- Introdução à Supervisão Clinica em Enfermagem (2 ECTS) – creditada com 18 valores, a partir da unidade curricular "opcionais” do Curso de Pós Graduação em Enfermagem – Opção Saúde dos Idosos (UCP), com 10 ECTS, com 18 valores;
- Introdução aos Sistemas de Informação em Enfermagem (2 ECTS) - creditada com 18 valores, a partir do Módulo: Novas realidades da Enfermagem, marketing social e comunicação na Enfermagem do Curso de Pós-Graduação em Gestão e Administração de Serviços de Saúde para Enfermeiros (CESPU), com 3 ECTS, com 18 valores.



Ata n.º 37/2018 do CTC de 24 de setembro


Documento 2018/2033, relativo ao pedido de creditação enviado por Ana Filipa Touro Pereira Marques de Moura, n.º 8008, solicitando creditação a unidades do CPLEEMC. Decisão do CTC: Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos das unidades curriculares do Curso de Mestrado em Ciências de Enfermagem do Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar – Universidade do Porto, a que a requerente obteve aproveitamento, no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis e do parecer da coordenadora do respetivo curso, o CTC, decidiu deferir o pedido nos termos seguintes: 
- Epistemologia da Enfermagem e Prática Baseada na Evidência creditadas com 16 valores (a partir das unidades curriculares de Ciências de Enfermagem I e Ciências de Enfermagem II, com a classificação de 17 e 15 valores, respetivamente); 
- Introdução à Supervisão Clínica em Enfermagem – creditada com 14 valores (a partir da unidade curricular Opção Livre: Supervisão Clínica com a classificação de 14 valores). 
O CTC decidiu ainda, não creditar as unidades curriculares Transição Saúde/doença, Ética em Enfermagem, Cuidados Continuados e Prestador de Cuidados por manifesta falta de conteúdos equivalentes.

Documento 2018/2752, relativo ao pedido de creditação enviado por Maria João Schuller de Almeida, n.º 6782, solicitando creditação a uma unidade curricular do CPGGSE. Decisão do CTC: Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos das unidades curriculares do Curso de Pós-Licenciatura de Especialização em Enfermagem Médico-Cirúrgica da Escola Superior de Saúde do Norte – Cruz Vermelha Portuguesa, concluídas com aproveitamento por Maria João Schuller de Almeida, no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis e do parecer da coordenadora do respetivo curso, o CTC, decidiu deferir o pedido nos termos seguintes:
- Ética de Enfermagem - creditada com 13 valores (a partir da unidade curricular de Ética de enfermagem, com a classificação de 13 valores).

Documento 2018/2753, relativo ao pedido de creditação enviado por Cristina da Silva Couto, n.º 4437, solicitando creditação a unidades curriculares do CPGGSE. Decisão do CTC: Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos das unidades curriculares do Curso Mestrado em Ciências de Enfermagem do ICBAS – Universidade do Porto, concluídas com aproveitamento por Cristina da Silva Couto, no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis e do parecer da coordenadora do respetivo curso, o CTC, decidiu deferir o pedido nos termos seguintes:
- Conceitos, Métodos e Gestão em Enfermagem – creditada com 17 valores (a partir da unidade curricular Administração dos Serviços de Enfermagem, com a classificação de 17 valores);
- Concepção de cuidados – creditada com 17 Valores ( a partir das unidades curriculares Ciências de Enfermagem I (10 ECTS) e Ciências de Enfermagem I I (10 ECTS), com a classificação de 16 e 18 valores respetivamente).

Documento 2018/2782, relativo ao pedido de creditação enviado por Mónica Elisabete Campelo de Sousa Amaral, n.º 7907, solicitando creditação a unidades curriculares do CPGGSE. Decisão do CTC: Analisado o processo com os conteúdos programáticos das unidades curriculares do Curso Mestrado em Enfermagem com Especialização em Enfermagem Saúde Infantil e Pediatria, da Universidade Católica Portuguesa – Porto e do curso de Pós-Licenciatura de Especialização em Enfermagem de Saúde Infantil e Pediatria da Escola Superior de Enfermagem Imaculada Conceição (pré-Bolonha), concluídas com aproveitamento por Mónica Elisabete Campelo de Sousa Amaral, no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis e do parecer da coordenadora do respetivo curso, o CTC, decidiu deferir o pedido nos termos seguintes:
- Ética de enfermagem – creditada com 13 valores (a partir da unidade curricular Bioética e Deontologia Profissional (30 horas), com a classificação de 13 valores);
- Prática baseada na evidência – creditada com 19 valores (a partir da unidade curricular Métodos de Investigação I (6 ECTS), com a classificação de 19 valores);
- Introdução à supervisão Clinica em Enfermagem – creditada com 17 valores (a partir da unidade curricular Supervisão de Cuidados (3 ECTS), com a classificação de 17 valores).
O CTC decidiu ainda, não creditar a unidade curricular Conceitos, métodos e gestão de Enfermagem, (3 ECTS), por manifesta falta de conteúdos equivalentes.

Documento 2018/2783, relativo ao pedido de creditação enviado por Teresa de Jesus Alves Peixoto dos Santos Pereira, n.º 7906, solicitando creditação a unidades curriculares do CPGGSE. Decisão do CTC: Analisado o processo com os conteúdos programáticos das unidades curriculares do Curso Mestrado em Enfermagem com Especialização em Enfermagem Saúde Infantil e Pediatria, da Universidade Católica Portuguesa – Porto e do curso de Pós-Licenciatura de Especialização em Enfermagem de Saúde Infantil e Pediatria da Escola Superior de Enfermagem Imaculada Conceição, concluídas com aproveitamento por Teresa de Jesus Alves Peixoto dos Santos Pereira, no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis e do parecer da coordenadora do respetivo curso, o CTC, decidiu deferir o pedido nos termos seguintes:
- Ética de enfermagem – creditada com 17 valores (a partir da unidade curricular Bioética e Deontologia Profissional (30 horas), com a classificação de 17 valores);
 - Prática baseada na evidência – creditada com 18 valores (a partir da unidade curricular Métodos de Investigação I (6 ECTS), com a classificação de 18 valores);
- Introdução à supervisão clinica em enfermagem – creditada com 17 valores (a partir da unidade curricular Supervisão de Cuidados (3 ECTS), com a classificação de 17 valores);
O CTC decidiu ainda, não creditar unidade curricular Conceitos, métodos e gestão de enfermagem, (3 ECTS), por manifesta falta de conteúdos equivalentes.

Documento 2018/2179, relativo ao pedido de creditação enviado por Maria José Novais dos Reis, n.º 7990, solicitando creditação a unidades curriculares do MESMO. Decisão do CTC: Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos das unidades curriculares do Curso de Estudos Superiores Especializados em Enfermagem de Saúde Materna e Obstétrica da Escola Superior de Enfermagem Cidade do Porto, concluídas com aproveitamento por Maria José Novais dos Reis, no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis e do parecer da coordenadora do respetivo curso, o CTC, decidiu deferir o pedido nos termos seguintes:
- Gravidez e adaptação à parentalidade - creditada com a classificação de 13 valores (a partir da unidade curricular Enfermagem de saúde materna e obstétrica I, com a classificação de 13 valores); 
- Preparação para o parto - creditada com a classificação de 13 valores (a partir da unidade curricular Enfermagem de saúde materna e obstétrica I, com a classificação de 13 valores); 
- Recém-nascido em risco - creditada com a classificação de 14 valores (a partir da unidade curricular Enfermagem de Neonatologia, com a classificação de 14 valores); 
- Trabalho de parto e autocuidado no pós-parto - creditada com a classificação de 13 valores (a partir da unidade curricular Enfermagem de saúde materna e obstétrica II, com a classificação de 13 valores); 
- Amamentação - creditada com a classificação de 17 valores (a partir da unidade curricular Enfermagem de saúde materna e obstétrica III, com a classificação de 17 valores); 
- Técnicas de conforto ao recém-nascido –- creditada com a classificação de 17 valores (a partir da unidade curricular Enfermagem de saúde materna e obstétrica III, com a classificação de 17 valores). 
- Vigilância da gravidez e preparação para a parentalidade – creditada com a classificação de 15 valores (a partir da unidade curricular Estágio em saúde materna e internamento de grávidas, com a classificação de 15 valores). 



Ata n.º 36/2018 do CTC de 17 de setembro


Documento 2018/2751, relativo ao pedido de creditação enviado por Cristina da Silva Couto, n.º 4437, solicitando creditação a unidades curriculares do CPGGSE. Decisão do CTC: Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos das unidades curriculares do Mestrado em Enfermagem Médico Cirúrgica da ESEP, concluídas com aproveitamento por Cristina da Silva Couto, no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis e o parecer da coordenadora do MDCSE, o CTC decidiu denegar a creditação às unidades curriculares "Economia e finanças em saúde” e "Qualidade em enfermagem e saúde”, por manifesta falta de conteúdos equivalentes.



Ata n.º 35/2018 do CTC de 12 de setembro

Documento 2018/2687, relativo ao pedido de creditações enviado pela estudante Francisca Isabel Pereira Silva, n.º 8092, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Francisca Isabel Pereira Silva no CLE da Universidade de Aveiro, tendo sido utilizadas:
=> Fundamentos de enfermagem I (8 ECTS); classificação 13 valores;
=> Ensino clínico I (6 ECTS); classificação 14 valores;
=> Tecnologias de Informação em Saúde (4 ECTS); classificação 14 valores.
Na sequência da análise referida, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu creditar com 13,6 valores as seguintes unidades curriculares do CLE da ESEP, num total de: 18 ECTS:
=> Comportamento e relação
=> Informação em Saúde
=> Intervenções Resultantes de Prescrições
=> Respostas Corporais à Doença I.

Documento 2018/2725, relativo ao pedido de creditações enviado pela estudante Catarina Isabel da Mota Oliveira, n.º 8076, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Catarina Isabel da Mota Oliveira no CLE da Escola Superior de Enfermagem de Coimbra, tendo sido utilizadas:
=> Farmacologia (3 ECTS); classificação 12 valores;
=> Educação em saúde (3 ECTS); classificação 15 valores;
=> Bioquímica e biofísica (5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Anatomofisiologia II (5 ECTS); classificação 15 valores;
=> Ética e deontologia em enfermagem (4 ECTS); classificação 11 valores;
=> Fundamentos e procedimentos de enfermagem II (10 ECTS); classificação 17 valores;
=> Socioantropologia da saúde (4 ECTS); classificação 14 valores;
=> Psicologia do desenvolvimento (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> Microbiologia e parasitologia (3 ECTS); classificação 16 valores;
=> Anatomofisiologia I (5 ECTS); classificação 15 valores;
=> Fundamentos e procedimentos de enfermagem I (10 ECTS); classificação 15 valores;
=> Epistemologia da enfermagem (4 ECTS); classificação 16 valores;
Na sequência da análise referida, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu creditar com 14,8 valores as seguintes unidades curriculares do CLE da ESEP, num total de: 57 ECTS:
=> Comportamento e relação
=> Introdução à Enfermagem
=> Psicologia da Saúde
=> Socioantropologia da Saúde
=> Bioquímica e Microbiologia
=> Introdução à Prática Clínica I
=> Desenvolvimento pessoal e social
=> Informação em Saúde
=> Fisiologia
=> Farmacologia
=> Intervenções Resultantes de Prescrições
=> Bioética e Ética em Enfermagem
=> Anatomia.

Documento 2018/2709, relativo ao pedido de creditações enviado pela estudante Mariana Sofia Garcez Rocha, n.º 8100, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Mariana Sofia Garcez Rocha no CLE da Escola Superior de Enfermagem de Coimbra, tendo sido utilizadas:
=> Ética e deontologia em enfermagem (4 ECTS); classificação 11 valores;
=> Farmacologia (3 ECTS); classificação 14 valores;
=> Educação em saúde (3 ECTS); classificação 14 valores;
=> Bioquimica e biofisica (5 ECTS); classificação 13 valores;
=> Anatomofisiologia II (5 ECTS); classificação 13 valores;
=> Fundamentos e procedimentos de enfermagem II (10 ECTS); classificação 16 valores;
=> Socioantropologia da saúde (4 ECTS); classificação 12 valores;
=> Psicologia do desenvolvimento (4 ECTS); classificação 12 valores;
=> Microbiologia e parasitologia (3 ECTS); classificação 12 valores;
=> Anatomofisiologia I (5 ECTS); classificação 13 valores;
=> Fundamentos e procedimentos de enfermagem I (10 ECTS); classificação 13 valores;
=> Epistemologia da enfermagem (4 ECTS); classificação 11 valores;
Na sequência da análise referida, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu creditar com 13,2 valores as seguintes unidades curriculares do CLE da ESEP, num total de: 57 ECTS:
=> Bioética e Ética em Enfermagem
=> Intervenções Resultantes de Prescrições
=> Farmacologia
=> Fisiologia
=> Informação em Saúde
=> Desenvolvimento pessoal e social
=> Introdução à Prática Clínica I
=> Bioquímica e Microbiologia
=> Socioantropologia da Saúde
=> Anatomia
=> Psicologia da Saúde
=> Introdução à Enfermagem
=> Comportamento e relação.

Documento 2018/2705, relativo ao pedido de creditações enviado pela estudante Maria de Fátima Machado Monteiro, n.º 8088, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Maria de 
Fátima Machado Monteiro no CLE da CESPU, tendo sido utilizadas:
=> Sensibilização do exercício profissional (5 ECTS); classificação 11 valores;
=> Sociologia da Saúde e da Família (2 ECTS); classificação 14 valores;
=> Microbiologia e parasitologia (4 ECTS); classificação 10 valores;
=> Fundamentos de enfermagem (12 ECTS); classificação 12 valores;
=> Fisiologia humana II (4,5 ECTS); classificação 16 valores;
=> Fisiologia humana I (4,5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Enfermagem: saúde da mulher e da criança (8 ECTS); classificação 16 valores;
=> Enfermagem e identidade profissional (3 ECTS); classificação 18 valores;
=> Ciências do comportamento (2 ECTS); classificação 13 valores;
=> Bioquímica geral (6 ECTS); classificação 15 valores;
=> Anatomia humana II (4,5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Anatomia humana I (4,5 ECTS); classificação 12 valores;
Na sequência da análise referida, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu creditar com 13,6 valores as seguintes unidades curriculares do CLE da ESEP, num total de: 57 ECTS:
=> Fisiologia
=> Introdução à Prática Clínica I
=> Comportamento e relação
=> Socioantropologia da Saúde
=> Anatomia
=> Introdução à Enfermagem
=> Informação em Saúde
=> Terapias Complementares
=> Parentalidade
=> Bioquímica e Microbiologia
=> Psicologia da Saúde
=> Saúde do Adulto e do Idoso.

Documento 2018/2706, relativo ao pedido de creditações enviado pela estudante Rita Pinheiro Pinto, n.º 8141, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Rita Pinheiro Pinto no CLE da Universidade de Aveiro, tendo sido utilizadas:
=> Microbiologia e farmacologia (4 ECTS); classificação 14 valores;
=> Anatomia e fisiologia II (6 ECTS); classificação 12 valores;
=> Introdução à patologia (4 ECTS); classificação 12 valores;
=> Necessidades especiais (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> Fundamentos de enfermagem II (8 ECTS); classificação 12 valores;
=> Bioquimica e biofisica (4 ECTS); classificação 12 valores;
=> Psicologia relacional (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> Ética e deontologia profissional (4 ECTS); classificação 14 valores;
=> Anatomia e fisiologia I (6 ECTS); classificação 13 valores;
=> Fundamentos de enfermagem I (8 ECTS); classificação 14 valores;
=> Saúde comunitária e ecologia (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> Estruturas organizacionais e sociais da saúde (4 ECTS); classificação 13 valores;
Na sequência da análise referida, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu creditar com 12,9 valores as seguintes unidades curriculares do CLE da ESEP, num total de: 54 ECTS:
=> Introdução à Prática Clínica I
=> Desenvolvimento pessoal e social
=> Comportamento e relação
=> Patologia I
=> Respostas Corporais à Doença II
=> Intervenções Resultantes de Prescrições
=> Farmacologia
=> Bioquímica e Microbiologia
=> Fisiologia
=> Anatomia
=> Bioética e Ética em Enfermagem
=> Saúde do Adulto e do Idoso.

Documento 2018/2697, relativo ao pedido de creditações enviado pela estudante Vera Lúcia Ferreira Pinhal, n.º 8123, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Vera Lúcia Ferreira Pinhal no CLE da Universidade de Aveiro, tendo sido utilizadas:
=> Bioquímica e biofísica (4 ECTS); classificação 14 valores;
=> Psicologia relacional (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> Ética e deontologia profissional (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> Anatomia e fisiologia I (6 ECTS); classificação 11 valores;
=> Anatomia e fisiologia II (6 ECTS); classificação 12 valores;
=> Introdução à patologia (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> Necessidades especiais (4 ECTS); classificação 11 valores;
=> Fundamentos em enfermagem I (8 ECTS); classificação 11 valores;
=> Fundamentos de enfermagem II (8 ECTS); classificação 13 valores;
=> Microbiologia e farmacologia (4 ECTS); classificação 14 valores;
=> Saúde comunitária e ecologia (4 ECTS); classificação 11 valores;
=> Estruturas organizacionais e sociais da saúde (4 ECTS); classificação 15 valores;
Na sequência da análise referida, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu creditar com 12,4 valores as seguintes unidades curriculares do CLE da ESEP, num total de: 54 ECTS:
=> Introdução à Prática Clínica I
=> Desenvolvimento pessoal e social
=> Comportamento e relação
=> Patologia I
=> Respostas Corporais à Doença II
=> Intervenções Resultantes de Prescrições
=> Farmacologia
=> Bioquímica e Microbiologia
=> Fisiologia
=> Anatomia
=> Bioética e Ética em Enfermagem
=> Saúde do Adulto e do Idoso.

Documento 2018/2692, relativo ao pedido de creditações enviado pela estudante Ana Cristina Neves de Mendonça Pimentel, n.º 8108, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Ana Cristina Neves de Mendonça Pimentel no CLE da Escola Superior de Enfermagem Santa Maria, tendo sido utilizadas:
=> Enfermagem I - Métodos e técnicas de enfermagem (12,5 ECTS); classificação 15 valores;
=> Fisiologia (5 ECTS); classificação 18 valores;
=> Nutrição e saúde (2,5 ECTS); classificação 20 valores;
=> Língua inglesa (2,5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Investigação em enfermagem (5 ECTS); classificação 13 valores;
=> Bioética (2,5 ECTS); classificação 17 valores;
=> Socioantropologia (2,5 ECTS); classificação 20 valores;
=> Psicologia (5 ECTS); classificação 15 valores;
=> Microbiologia (2,5 ECTS); classificação 16 valores;
=> Genética (2,5 ECTS); classificação 15 valores;
=> Epistemologia da enfermagem (2,5 ECTS); classificação 17 valores;
=> Comunicação em enfermagem (5 ECTS); classificação 16 valores;
=> Bioquímica (2,5 ECTS); classificação 15 valores;
=> Bioestatística (2,5 ECTS); classificação 18 valores;
=> Anatomia (5 ECTS); classificação 13 valores;
Na sequência da análise referida, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu creditar com 15,7 valores as seguintes unidades curriculares do CLE da ESEP, num total de: 54 ECTS:
=> Bioética e Ética em Enfermagem
=> Psicologia da Saúde
=> Socioantropologia da Saúde
=> Anatomia
=> Fisiologia
=> Línguas europeias – inglês
=> Introdução à Enfermagem
=> Saúde do Adulto e do Idoso
=> Respostas Corporais à Doença I
=> Introdução à Investigação
=> Comportamento e relação
=> Bioquímica e Microbiologia.

Documento 2018/2690, relativo ao pedido de creditações enviado pela estudante Ana Maria Marques Freire, n.º 8106, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Ana Maria Marques Freire no CLE da Escola Superior de Saúde de Santa Maria, tendo sido utilizadas:
=> Enfermagem I - Métodos e técnicas de enfermagem (12,5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Fisiologia (5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Nutrição e saúde (2,5 ECTS); classificação 16 valores;
=> Língua inglesa (2,5 ECTS); classificação 19 valores;
=> Investigação em enfermagem (5 ECTS); classificação 12 valores;
=> Bioética (2,5 ECTS); classificação 16 valores;
=> Socioantropologia (2,5 ECTS); classificação 19 valores;
=> Psicologia (5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Microbiologia (2,5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Genética (2,5 ECTS); classificação 15 valores;
=> Epistemologia da enfermagem (2,5 ECTS); classificação 18 valores;
=> Comunicação em enfermagem (5 ECTS); classificação 15 valores;
=> Bioquímica (2,5 ECTS); classificação 12 valores;
=> Bioestatística (2,5 ECTS); classificação 12 valores;
=> Anatomia (5 ECTS); classificação 12 valores;
Na sequência da análise referida, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu creditar com 14,4 valores as seguintes unidades curriculares do CLE da ESEP, num total de: 54 ECTS:
=> Bioética e Ética em Enfermagem
=> Psicologia da Saúde
=> Socioantropologia da Saúde
=> Anatomia
=> Fisiologia
=> Línguas europeias – inglês
=> Introdução à Enfermagem
=> Saúde do Adulto e do Idoso
=> Respostas Corporais à Doença I
=> Introdução à Investigação
=> Comportamento e relação
=> Bioquímica e Microbiologia.

Documento 2018/2679, relativo ao pedido de creditações enviado pelo estudante Ricardo Jorge Guimarães da Silva, n.º 8075, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Ricardo Jorge Guimarães da Silva no CLE da Escola Superior de Saúde de Santa Maria, tendo sido utilizadas:
=> Enfermagem I - Métodos e técnicas de enfermagem (12,5 ECTS); classificação 16 valores;
=> Fisiologia (5 ECTS); classificação 17 valores;
=> Nutrição e saúde (2,5 ECTS); classificação 20 valores;
=> Língua inglesa (2,5 ECTS); classificação 18 valores;
=> Investigação em enfermagem (5 ECTS); classificação 16 valores;
=> Bioética (2,5 ECTS); classificação 15 valores;
=> Socioantropologia (2,5 ECTS); classificação 18 valores;
=> Psicologia (5 ECTS); classificação 16 valores;
=> Microbiologia (2,5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Genética (2,5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Epistemologia da enfermagem (2,5 ECTS); classificação 18 valores;
=> Comunicação em enfermagem (5 ECTS); classificação 16 valores;
=> Bioquímica (2,5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Bioestatística (2,5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Anatomia (5 ECTS); classificação 12 valores;
Na sequência da análise referida, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu creditar com 15,8 valores as seguintes unidades curriculares do CLE da ESEP, num total de: 54 ECTS:
=> Bioética e Ética em Enfermagem
=> Psicologia da Saúde
=> Socioantropologia da Saúde
=> Anatomia
=> Fisiologia
=> Línguas europeias – inglês
=> Introdução à Enfermagem
=> Saúde do Adulto e do Idoso
=> Respostas Corporais à Doença I
=> Introdução à Investigação
=> Comportamento e relação
=> Bioquímica e Microbiologia.

Documento 2018/2676, relativo ao pedido de creditações enviado pela estudante Ana Raquel 
Fernandes Brás, n.º 8078, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Ana Raquel Fernandes Brás no CLE da Escola Superior de Saúde de Santa Maria, tendo sido utilizadas:
=> Enfermagem I - Métodos e técnicas de enfermagem (12,5 ECTS); classificação 13 valores;
=> Fisiologia (5 ECTS); classificação 12 valores;
=> Nutrição e saúde (2,5 ECTS); classificação 13 valores;
=> Língua inglesa (2,5 ECTS); classificação 16 valores;
=> Investigação em enfermagem (5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Bioética (2,5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Socioantropologia (2,5 ECTS); classificação 17 valores;
=> Psicologia (5 ECTS); classificação 13 valores;
=> Microbiologia (2,5 ECTS); classificação 11 valores;
=> Genética (2,5 ECTS); classificação 15 valores;
=> Epistemologia da enfermagem (2,5 ECTS); classificação 17 valores;
=> Comunicação em enfermagem (5 ECTS); classificação 15 valores;
=> Bioquímica (2,5 ECTS); classificação 12 valores;
=> Bioestatística (2,5 ECTS); classificação 12 valores;
Na sequência da análise referida, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu creditar com 13,6 valores as seguintes unidades curriculares do CLE da ESEP, num total de: 51 ECTS:
=> Comportamento e relação
=> Bioética e Ética em Enfermagem
=> Psicologia da Saúde
=> Socioantropologia da Saúde
=> Fisiologia
=> Línguas europeias – inglês
=> Introdução à Enfermagem
=> Saúde do Adulto e do Idoso
=> Respostas Corporais à Doença I
=> Introdução à Investigação
=> Bioquímica e Microbiologia.

Documento 2018/2717, relativo ao pedido de creditações enviado pela estudante Catarina Sofia de Sá Muge Gomes, n.º 8147, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Catarina Sofia de Sá Muge Gomes no CLE da Universidade de Aveiro, tendo sido utilizadas:
=> Psicologia relacional (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> Enfermagem materno e infanto-juvenil (6 ECTS); classificação 16 valores;
=> Saúde comunitária e ecologia (6 ECTS); classificação 16 valores;
=> Necessidades especiais (4 ECTS); classificação 16 valores;
=> Tecnologias de Informação em Saúde (4 ECTS); classificação 16 valores;
=> Estruturas organizacionais e sociais da saúde (6 ECTS); classificação 11 valores;
=> Ensino Clínico II (28 ECTS); classificação 17 valores;
=> Microbiologia e farmacologia (4 ECTS); classificação 14 valores;
=> Ética e deontologia profissional (4 ECTS); classificação 15 valores;
=> Enfermagem comunitária (6 ECTS); classificação 17 valores;
=> Fundamentos de enfermagem II (8 ECTS); classificação 15 valores;
=> Introdução à patologia (4 ECTS); classificação 10 valores;
=> Anatomia e fisiologia II (6 ECTS); classificação 13 valores;
=> Fundamentos de enfermagem I (8 ECTS); classificação 14 valores;
=> Bioquimica e biofisica (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> Anatomia e fisiologia I (6 ECTS); classificação 10 valores;
=> Ensino clínico I (6 ECTS); classificação 14 valores;
Na sequência da análise referida, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu creditar com 14,7 valores as seguintes unidades curriculares do CLE da ESEP, num total de: 102 ECTS:
=> Ensino Clínico: Parentalidade e Gravidez
=> Farmacologia
=> Intervenções Resultantes de Prescrições
=> Respostas Corporais à Doença I
=> Patologia I
=> Comportamento e relação
=> Desenvolvimento pessoal e social
=> Informação em Saúde
=> Introdução à Prática Clínica I
=> Fisiologia
=> Introdução à Enfermagem
=> Bioquímica e Microbiologia
=> Parentalidade
=> Bioética e Ética em Enfermagem
=> Patologia II
=> Introdução à Prática Clínica III
=> Introdução à Gestão em Enfermagem
=> A pessoa dependente e os familiares cuidadores
=> Socioantropologia da Saúde
=> Ensino Clínico: Enfermagem Comunitária
=> Anatomia.

Documento 2018/2708, relativo ao pedido de creditações enviado pela estudante Débora Sofia Dias Matos, n.º 8140, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Débora Sofia Dias Matos no CLE da Universidade Fernando Pessoa, tendo sido utilizadas:
=> Fundamentos e procedimentos de enfermagem II (5 ECTS); classificação 15 valores;
=> Anatomofisiologia II (5 ECTS); classificação 16 valores;
=> Antropossociologia da saúde (2 ECTS); classificação 17 valores;
=> Bioestatística (5 ECTS); classificação 12 valores;
=> Biofísica e biomecânica (4 ECTS); classificação 10 valores;
=> Bioquímica fisiológica (4 ECTS); classificação 11 valores;
=> Enfermagem Cirúrgica I (5 ECTS); classificação 17 valores;
=> Enfermagem de saúde comunitária I (4 ECTS); classificação 15 valores;
=> Enfermagem de saúde Comunitária II - Ensino clínico (6 ECTS); classificação 15 valores;
=> Enfermagem geriátrica I (4 ECTS); classificação 18 valores;
=> Enfermagem médica I (5 ECTS); classificação 18 valores;
=> Epistemologia da enfermagem (2 ECTS); classificação 11 valores;
=> Ética, Deontologia e Organização Profissional (2 ECTS); classificação 13 valores;
=> Anatomofisiologia I (7 ECTS); classificação 14 valores;
=> Fundamentos e procedimentos de enfermagem I (6 ECTS); classificação 14 valores;
=> Psicologia aplicada (4 ECTS); classificação 17 valores;
=> Fundamentos e procedimentos de enfermagem III - Ensino clínico (13 ECTS); classificação 15 valores;
=> Gramática da Comunicação e Terminologia Médica (3 ECTS); classificação 14 valores;
=> Lingua inglesa I (3 ECTS); classificação 11 valores;
=> Lingua inglesa II (3 ECTS); classificação 12 valores;
=> Método e técnicas de investigação (3 ECTS); classificação 12 valores;
=> Microbiologia clínica (3 ECTS); classificação 13 valores;
=> Microbiologia geral (5 ECTS); classificação 17 valores;
=> Nutrição e dietética (2 ECTS); classificação 12 valores;
=> Organização e gestão de serviços de saúde (1 ECTS); classificação 13 valores;
=> Patologia médica e cirúrgica (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> Princípios de pedagogia e didáctica (2 ECTS); classificação 18 valores;
=> Profilaxia e epidemiologia (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> Farmacologia e terapêutica geral (4 ECTS); classificação 11 valores;
Na sequência da análise referida, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu creditar com 14,3 valores as seguintes unidades curriculares do CLE da ESEP, num total de: 111 ECTS:
=> Informação em Saúde
=> Comportamento e relação
=> Línguas europeias – inglês
=> Respostas Corporais à Doença I
=> Intervenções Resultantes de Prescrições
=> Farmacologia
=> Bioética e Ética em Enfermagem
=> Psicologia da Saúde
=> Bioquímica e Microbiologia
=> Socioantropologia da Saúde
=> Introdução à Enfermagem
=> Anatomia
=> Ensino Clínico: Saúde Familiar
=> Saúde do Adulto e do Idoso
=> Introdução à Prática Clínica I
=> Introdução à Investigação
=> Patologia I
=> Patologia II
=> Respostas Corporais à Doença II
=> A pessoa dependente e os familiares cuidadores
=> Introdução à Gestão em Enfermagem
=> Fisiologia

Documento 2018/2699, relativo ao pedido de creditações enviado pela estudante Renata Cristina Pedrosa Moreira, n.º 8094, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Renata Cristina Pedrosa Moreira no CLE da Universidade de Aveiro, tendo sido utilizadas:
=> Microbiologia e farmacologia (4 ECTS); classificação 16 valores;
=> Necessidades especiais (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> Introdução à patologia (4 ECTS); classificação 11 valores;
=> Anatomia e fisiologia II (6 ECTS); classificação 12 valores;
=> Bioquímica e biofísica (4 ECTS); classificação 12 valores;
=> Psicologia relacional (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> Ética e deontologia profissional (4 ECTS); classificação 17 valores;
=> Anatomia e fisiologia I (6 ECTS); classificação 11 valores;
=> Fundamentos de enfermagem I (8 ECTS); classificação 16 valores;
=> Fundamentos de enfermagem II (8 ECTS); classificação 14 valores;
=> Saúde comunitária e ecologia (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> Estruturas organizacionais e sociais da saúde (4 ECTS); classificação 12 valores;
Na sequência da análise referida, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu creditar com 13,4 valores as seguintes unidades curriculares do CLE da ESEP, num total de: 54 ECTS:
=> Introdução à Prática Clínica I
=> Desenvolvimento pessoal e social
=> Comportamento e relação
=> Patologia I
=> Respostas Corporais à Doença II
=> Intervenções Resultantes de Prescrições
=> Farmacologia
=> Bioquímica e Microbiologia
=> Fisiologia
=> Anatomia
=> Bioética e Ética em Enfermagem
=> Saúde do Adulto e do Idoso.

Documento 2018/2716, relativo ao pedido de creditações enviado pela estudante por Joana Mónica Martins Soares, n.º 8101, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Joana Mónica Martins Soares no CLE da Universidade de Aveiro, tendo sido utilizadas:
=> Bioquimica e biofisica (4 ECTS); classificação 11 valores;
=> Psicologia relacional (4 ECTS); classificação 14 valores;
=> Ética e deontologia profissional (4 ECTS); classificação 16 valores;
=> Anatomia e fisiologia I (6 ECTS); classificação 11 valores;
=> Anatomia e fisiologia II (6 ECTS); classificação 14 valores;
=> Introdução à patologia (4 ECTS); classificação 15 valores;
=> Necessidades especiais (4 ECTS); classificação 11 valores;
=> Fundamentos de enfermagem I (8 ECTS); classificação 14 valores;
=> Fundamentos de enfermagem II (8 ECTS); classificação 14 valores;
=> Microbiologia e farmacologia (4 ECTS); classificação 15 valores;
=> Saúde comunitária e ecologia (4 ECTS); classificação 12 valores;
=> Estruturas organizacionais e sociais da saúde (4 ECTS); classificação 13 valores;
Na sequência da análise referida, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu creditar com 13,4 valores as seguintes unidades curriculares do CLE da ESEP, num total de: 54 ECTS:
=> Saúde do Adulto e do Idoso
=> Bioética e Ética em Enfermagem
=> Anatomia
=> Fisiologia
=> Bioquímica e Microbiologia
=> Farmacologia
=> Intervenções Resultantes de Prescrições
=> Respostas Corporais à Doença II
=> Patologia I
=> Comportamento e relação
=> Desenvolvimento pessoal e social
=> Introdução à Prática Clínica I

Documento 2018/2675, relativo ao pedido de creditações enviado pela estudante por Inês Pinto 
Faustino, n.º 8089, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Inês Pinto Faustino no CLE da Universidade de Aveiro, tendo sido utilizadas:
=> Bioquímica e biofísica (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> Psicologia relacional (4 ECTS); classificação 12 valores;
=> Ética e deontologia profissional (4 ECTS); classificação 16 valores;
=> Anatomia e fisiologia I (6 ECTS); classificação 14 valores;
=> Anatomia e fisiologia II (6 ECTS); classificação 14 valores;
=> Introdução à patologia (4 ECTS); classificação 14 valores;
=> Necessidades especiais (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> Fundamentos de enfermagem I (8 ECTS); classificação 16 valores;
=> Fundamentos de enfermagem II (8 ECTS); classificação 15 valores;
=> Microbiologia e farmacologia (4 ECTS); classificação 17 valores;
=> Saúde comunitária e ecologia (4 ECTS); classificação 17 valores;
=> Estruturas organizacionais e sociais da saúde (4 ECTS); classificação 12 valores;
Na sequência da análise referida, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu creditar com 14,5 valores as seguintes unidades curriculares do CLE da ESEP, num total de: 54 ECTS:
=> Introdução à Prática Clínica I
=> Desenvolvimento pessoal e social
=> Comportamento e relação
=> Patologia I
=> Respostas Corporais à Doença II
=> Intervenções Resultantes de Prescrições
=> Farmacologia
=> Bioquímica e Microbiologia
=> Fisiologia
=> Anatomia
=> Bioética e Ética em Enfermagem
=> Saúde do Adulto e do Idoso.

Documento 2018/2695, relativo ao pedido de creditações enviado pelo estudante Miguel Ângelo Faria Pimenta, n.º 8121, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Miguel Ângelo Faria Pimenta no CLE da Universidade Fernando Pessoa, tendo sido utilizadas:
=> Fundamentos e procedimentos de enfermagem II (5 ECTS); classificação 12 valores;
=> Farmacologia e terapêutica geral (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> Psicologia aplicada (4 ECTS); classificação 16 valores;
=> Nutrição e dietética (2 ECTS); classificação 11 valores;
=> Microbiologia geral (5 ECTS); classificação 16 valores;
=> Microbiologia clínica (3 ECTS); classificação 12 valores;
=> Gramática da Comunicação e Terminologia Médica (3 ECTS); classificação 15 valores;
=> Fundamentos e procedimentos de enfermagem I (6 ECTS); classificação 13 valores;
=> Ética, Deontologia e Organização Profissional (2 ECTS); classificação 15 valores;
=> Epistemologia da enfermagem (2 ECTS); classificação 10 valores;
=> Bioquímica fisiológica (4 ECTS); classificação 15 valores;
=> Biofísica e biomecânica (4 ECTS); classificação 14 valores;
=> Anatomofisiologia II (5 ECTS); classificação 13 valores;
=> Anatomofisiologia I (7 ECTS); classificação 13 valores;
Na sequência da análise referida, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu creditar com 13,6 valores as seguintes unidades curriculares do CLE da ESEP, num total de: 51 ECTS:
=> Desenvolvimento pessoal e social
=> Introdução à Prática Clínica I
=> Farmacologia
=> Informação em Saúde
=> Comportamento e relação
=> Introdução à Enfermagem
=> Anatomia
=> Fisiologia
=> Bioquímica e Microbiologia
=> Psicologia da Saúde
=> Socioantropologia da Saúde
=> Bioética e Ética em Enfermagem.
Documento 2018/2677, relativo ao pedido de creditações enviado pela estudante Matilde Leonor Teixeira Oliveira, n.º 8074, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Matilde 
Leonor Teixeira Oliveira no CLE da Escola Superior de Enfermagem de Coimbra, tendo sido utilizadas:
=> Farmacologia (3 ECTS); classificação 11 valores;
=> Educação em saúde (3 ECTS); classificação 14 valores;
=> Bioquímica e biofísica (5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Anatomofisiologia II (5 ECTS); classificação 11 valores;
=> Ética e deontologia em enfermagem (4 ECTS); classificação 10 valores;
=> Fundamentos e procedimentos de enfermagem II (10 ECTS); classificação 14 valores;
=> Socioantropologia da saúde (4 ECTS); classificação 14 valores
=> Psicologia do desenvolvimento (4 ECTS); classificação 14 valores;
=> Microbiologia e parasitologia (3 ECTS); classificação 13 valores;
=> Anatomofisiologia I (5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Fundamentos e procedimentos de enfermagem I (10 ECTS); classificação 14 valores;
=> Epistemologia da enfermagem (4 ECTS); classificação 13 valores;
Na sequência da análise referida, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu creditar com 13,2 valores as seguintes unidades curriculares do CLE da ESEP, num total de: 57 ECTS:
=> Anatomia
=> Bioética e Ética em Enfermagem
=> Intervenções Resultantes de Prescrições
=> Farmacologia
=> Fisiologia
=> Informação em Saúde
=> Desenvolvimento pessoal e social
=> Introdução à Prática Clínica I
=> Bioquímica e Microbiologia
=> Socioantropologia da Saúde
=> Psicologia da Saúde
=> Introdução à Enfermagem
=> Comportamento e relação.

Documento 2018/2703, relativo ao pedido de creditações enviado pela estudante Eduarda Rodrigues da Costa, n.º 8135, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Eduarda Rodrigues da Costa no CLE da Universidade de Aveiro, tendo sido utilizadas:
=> Bioquimica e biofisica (4 ECTS); classificação 11 valores;
=> Fundamentos de enfermagem I (8 ECTS); classificação 14 valores;
=> Anatomia e fisiologia II (6 ECTS); classificação 11 valores;
=> Introdução à patologia (4 ECTS); classificação 14 valores;
=> Fundamentos de enfermagem II (8 ECTS); classificação 13 valores;
=> Ensino clínico I (6 ECTS); classificação 15 valores;
=> Estruturas organizacionais e sociais da saúde (6 ECTS); classificação 14 valores;
=> Tecnologias de Informação em Saúde (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> Necessidades especiais (4 ECTS); classificação 15 valores;
=> Microbiologia e farmacologia (4 ECTS); classificação 12 valores;
Na sequência da análise referida, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu creditar com 13,3 valores as seguintes unidades curriculares do CLE da ESEP, num total de: 54 ECTS:
=> Fisiologia
=> Farmacologia
=> Intervenções Resultantes de Prescrições
=> Respostas Corporais à Doença I
=> Patologia I
=> Comportamento e relação
=> Desenvolvimento pessoal e social
=> Informação em Saúde
=> Introdução à Prática Clínica I
=> Bioquímica e Microbiologia
=> Anatomia
=> Introdução à Enfermagem.

Documento 2018/2837, relativo ao pedido de creditações enviado pela estudante Sónia Daniela Ferraz Ricardo, n.º 8171, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Sónia Daniela Ferraz Ricardo no CLE da Escola Superior de Enfermagem de Coimbra, tendo sido utilizadas:
=> Ética e deontologia em enfermagem (4 ECTS); classificação 14 valores;
=> Psicologia da saúde e dos sistemas grupais (4 ECTS); classificação 15 valores;
=> Patologia (5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Epidemiologia (3 ECTS); classificação 14 valores;
=> Enfermagem comunitária e familiar (7 ECTS); classificação 14 valores;
=> Enfermagem médico-cirúrgica e de reabilitação (9 ECTS); classificação 13 valores;
=> Farmacologia (3 ECTS); classificação 11 valores;
=> Educação em saúde (3 ECTS); classificação 13 valores;
=> Ensino clínico - Fundamentos de Enfermagem (30 ECTS); classificação 16 valores;
=> Anatomofisiologia II (5 ECTS); classificação 12 valores;
=> Saúde mental e (em) sociedade (2 ECTS); classificação 18 valores;
=> Fundamentos e procedimentos de enfermagem II (10 ECTS); classificação 12 valores;
=> Sócio - Antropologia da saúde (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> Psicologia do desenvolvimento (4 ECTS); classificação 10 valores;
=> Microbiologia e parasitologia (3 ECTS); classificação 11 valores;
=> Anatomofisiologia I (5 ECTS); classificação 10 valores;
=> Fundamentos e procedimentos de enfermagem I (10 ECTS); classificação 13 valores;
=> Epistemologia da enfermagem (4 ECTS); classificação 12 valores;
=> Bioquímica e biofísica (5 ECTS); classificação 10 valores;
Na sequência da análise referida, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu creditar com 13,4 valores as seguintes unidades curriculares do CLE da ESEP, num total de: 120 ECTS:
=> Socioantropologia da Saúde
=> Saúde do Adulto e do Idoso
=> Informação em Saúde
=> Introdução à Investigação
=> Comportamento e relação
=> Introdução à Enfermagem
=> Introdução à Prática Clínica I
=> Anatomia
=> Fisiologia
=> Parentalidade
=> Psicologia da Saúde
=> Respostas Corporais à Doença II
=> Desenvolvimento pessoal e social
=> Ensino Clínico: Enfermagem Comunitária
=> Ensino Clínico: Cirurgia
=> Ensino Clínico: Parentalidade e Gravidez
=> Bioética e Ética em Enfermagem
=> Farmacologia
=> Intervenções Resultantes de Prescrições
=> Patologia I
=> Respostas Corporais à Doença I
=> Bioquímica e Microbiologia.

Documento 2018/2848, relativo ao pedido de creditações enviado pela estudante Sofia Carvalho de Sousa Azevedo Campos, n.º 8325, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Sofia Carvalho de Sousa Azevedo Campos no CLE da Universidade Católica Portuguesa, tendo sido utilizadas:
=> Ensino clínico I: Introdução aos contextos de cuidados (6 ECTS); classificação 16 valores;
=> Comunicação em enfermagem I (2 ECTS); classificação 13 valores;
=> Psicologia da saúde (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> Anatomia e fisiologia I (6 ECTS); classificação 17 valores;
=> Patologia geral (2 ECTS); classificação 15 valores;
=> Bioquímica (2 ECTS); classificação 14 valores;
=> Investigação em enfermagem I (2 ECTS); classificação 15 valores;
=> História da enfermagem e da assistência (2 ECTS); classificação 12 valores;
=> Criatividade e inovação (2 ECTS); classificação 19 valores;
=> Ensino clinico II - Introdução à prática dos cuidados (6 ECTS); classificação 16 valores;
=> Anatomia e fisiologia II (4 ECTS); classificação 16 valores;
=> Enfermagem e corporalidade (6 ECTS); classificação 15 valores;
=> Nutrição e saúde (2 ECTS); classificação 15 valores;
=> Socioantropologia da saúde (4 ECTS); classificação 12 valores;
=> Microbiologia (2 ECTS); classificação 14 valores;
=> Pedagogia da Saúde (2 ECTS); classificação 15 valores;
=> Patologia do adulto e do idoso (4 ECTS); classificação 13 valores;
=> English for nursing (2 ECTS); classificação 17 valores;
Na sequência da análise referida, e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu creditar com 15 valores as seguintes unidades curriculares do CLE da ESEP, num total de: 57 ECTS:
=> Saúde do Adulto e do Idoso
=> Informação em Saúde
=> Introdução à Investigação
=> Comportamento e relação
=> Introdução à Enfermagem
=> Introdução à Prática Clínica I
=> Anatomia
=> Fisiologia
=> Bioquímica e Microbiologia
=> Psicologia da Saúde
=> Socioantropologia da Saúde
=> Patologia I.

Documento 2018/2707, relativo ao pedido de creditações enviado pela estudante Helena Maria Camarão Salgado Pinho da Silva, n.º 8137, do CLE. Decisão do CTC: Foi analisado o conteúdo programático das seguintes unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Helena Maria Camarão Salgado Pinho da Silva no CLE da Escola Superior de Enfermagem Santa Maria, tendo sido utilizadas:
=> Bioética (2,5 ECTS); classificação 17 valores;
=> Psicologia (5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Bioestatística (2,5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Anatomia (5 ECTS); classificação 12 valores;
=> Bioquímica (2,5 ECTS); classificação 13 valores;
=> Investigação em enfermagem (5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Fisiologia (5 ECTS); classificação 11 valores;
=> Farmacologia (5 ECTS); classificação 16 valores;
=> Epidemiologia (2,5 ECTS); classificação 14 valores;
=> Empreendedorismo (2,5 ECTS); classificação 13 valores
=> Ergonomia e Higiene no Trabalho (2,5 ECTS); classificação 13 valores;
=> Psicopatologia (2 ECTS); classificação 17 valores;
=> Epistemologia da enfermagem (2,5 ECTS); classificação 11 valores;
=> Genética (2,5 ECTS); classificação 11 valor

Ata n.º 34/2018 do CTC de 10 de setembro

Documento 2018/2240, relativo ao pedido de creditação enviado por Almarim José da Silva, n.º  8019, solicitando creditação a unidades curriculares do MEC. Decisão do CTC: Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos do Curso de Pós–Licenciatura de Especialização em Enfermagem Comunitária, da Escola Superior de Enfermagem de Ponta Delgada, concluídas com aproveitamento por Almarim José da Silva, no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis e do parecer da coordenadora do respetivo curso, o CTC, decidiu deferir o pedido nos termos seguintes:
=> Creditar a unidade curricular «Planeamento em Saúde» (3 ECTS) com a classificação de 17,3 valores, a partir das unidades curriculares: «Políticas e Administração em Saúde» - 5 ECTS (classificação: 18 valores), «Enfermagem Comunitária I» - 6 ECTS (classificação: 18 valores), «Enfermagem Comunitária III» - 6 ECTS (classificação: 17 valores) e «Epidemiologia» - 4 ECTS (classificação: 16 valores);
=> Creditar a unidade curricular «Ética de Enfermagem» (2 ECTS) com a classificação de 18 valores, a partir da unidade curricular «Bioética e Deontologia» - 3 ECTS (classificação: 18 valores);
=> Creditar a unidade curricular «Estágio de Intervenção Comunitária I» (11 ECTS) com a classificação de 19 valores, a partir de «Estágio I – Diagnóstico de Saúde da Comunidade» - 10 ECTS (classificação: 19 valores) e «Estágio II – Intervenção Comunitária I» - 20 ECTS (classificação: 19 valores);
=> Creditar a unidade curricular «Estágio de Intervenção Comunitária II» (19 ECTS) com a classificação de 19 valores, a partir das unidades curriculares «Estágio II – Intervenção Comunitária I» - 20 ECTS (classificação: 19 valores) e «Estágio III – Intervenção Comunitária» - 13 ECTS (classificação: 19 valores).




Ata n.º 32/2018 do CTC de 6 de agosto

Documento 2018/1970, relativo ao pedido de creditação enviado por Fausto Manuel Gouveia Ferreira, estudante n.º 7956, do CPLEEMC. Decisão do CTC: Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos das unidades curriculares do Mestrado em Gestão e Economia de Serviços de Saúde da Faculdade de Economia da Universidade do Porto, concluídas com aproveitamento por Fausto Manuel Gouveia Ferreira, no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis e do parecer da coordenadora do respetivo curso, o CTC, decidiu deferir o pedido nos termos seguintes:
 - Qualidade em Saúde (optativa) – creditada com 15 valores (a partir da unidade curricular de "Gestão da Qualidade em Saúde" com a classificação de 15 valores);
- Direito e Politicas em Saúde (optativa) – creditada com 15 valores (a partir da unidade curricular "Direito da Saúde" com a classificação de 15 valores);
- Economia em Saúde (optativa) – creditada com 13 valores (a partir das unidades curriculares de "Economia das Saúde I" e "Economia da saúde II" com as classificações de 11 e 15 valores, respetivamente).
Documento 2018/2104, relativo ao pedido de creditação enviado por Sara Raquel Fernandes Tavares Sequeira, estudante n.º 7991, do CPLEEMC. Decisão do CTC: Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos das unidades curriculares do Curso de Especialização em Gestão de Unidade de Cuidados do Curso de Mestrado em Enfermagem à Pessoa em Situação Crítica da Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico de Leiria, concluídas com aproveitamento, por Sara Raquel Fernandes Tavares Sequeira, no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis e do parecer da coordenadora do respetivo curso, o CTC, decidiu deferir o pedido nos termos seguintes:
- Epistemologia da Enfermagem – creditada com 16 valores (a partir da unidade curricular "A Pessoa em Situação Critica ou Falência Orgânica”, com a classificação de 16 valores);
 - Doente em Estado Critico – creditada com 16 Valores (a partir das unidades curriculares "Processos Complexos de Doença Critica e/ou Falência Orgânica” e "Enfermagem à Pessoa em Situação Critica e/ou Falência Orgânica” com as classificações de 17 e 15 valores, respetivamente);
- Controle de Infeção (optativa) – creditada com 19 valores (a partir da unidade curricular "Prevenção e controlo da IACS - Infeção associada aos Cuidados de Saúde”, com a classificação de 19 valores);
- Introdução à Supervisão Clinica em Enfermagem – creditada com 19 valores (a partir da unidade curricular "Supervisão de Cuidados”, com a classificação de 19 valores;
- Qualidade em Saúde (optativa) – creditada com 18 valores (a partir da unidade curricular de ”Gestão em Enfermagem” com a classificação de 18 valores);
- Enfermagem médico-cirúrgica I – Competências avançadas – creditada com 17 valores (a partir das unidades curriculares "Ensino Clínico I: Urgência” e "Ensino Clínico II: Cuidados Intensivos” com a classificação de 16 e 18 valores, respetivamente);
- Prática Baseada na Evidência – creditada com 19 valores (a partir da unidade curricular "Metodologia de Investigação Aplicada”, com a classificação de 19 valores);
O CTC decidiu ainda, denegar a creditação às unidades curriculares Gestão de Casos, Transição Saúde/doença, Processos adaptativos e autocontrolo, Economia em Saúde e Ética de Enfermagem, por falta de conteúdos equivalentes.
Documento 2018/2105, relativo ao pedido de creditação enviado por Ângela Patrícia dos Santos Vieira, n.º 7980, do CPLEEMC. Decisão do CTC:  Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos das unidades curriculares do Curso de Especialização em Gestão de Unidade de Cuidados do Curso de Mestrado em Enfermagem à Pessoa em Situação Crítica da Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico de Leiria, concluídas com aproveitamento, por Ângela Patrícia dos Santos Vieira, no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis e do parecer da coordenadora do respetivo curso, o CTC, decidiu deferir o pedido nos termos seguintes:- Epistemologia da Enfermagem – creditada com 17 valores (a partir da unidade curricular "A Pessoa em Situação Critica ou Falência Orgânica”, com a classificação de 17 valores);
- Doente em Estado Critico - creditada com 16 valores creditada (a partir das unidades curriculares "Processos Complexos de Doença Critica e/ou Falência Orgânica” e "Enfermagem à Pessoa em Situação Critica e/ou Falência Orgânica” com as classificações de 16 valores, respetivamente);
- Controle de Infeção (optativa) – creditada com 14 valores (a partir da unidade curricular "Prevenção e controlo da IACS - Infeção associada aos Cuidados de Saúde”, com a classificação de 14 valores);
- Introdução à Supervisão Clinica em Enfermagem – creditada com 18 valores (a partir da unidade curricular "Supervisão de Cuidados”, com a classificação de 18 valores);
- Qualidade em Saúde (optativa) – creditada com 18 valores (a partir da unidade curricular de "Gestão em Enfermagem” com a classificação de 18 valores);
- Enfermagem médico-cirúrgica I – Competências avançadas – creditada com 18 valores (a partir das unidades curriculares "Ensino Clínico I: Urgência” e "Ensino Clínico II: Cuidados Intensivos” com a classificação de 18 e 17 valores, respetivamente).
- Prática Baseada na Evidência – creditada com 15 valores (a partir da unidade curricular "Metodologia de Investigação Aplicada”, com a classificação de 15 valores);
O CTC decidiu ainda, denegar a creditação às unidades curriculares Gestão de Casos, Transição Saúde/doença, Processos adaptativos e autocontrolo, Economia em Saúde e Ética de Enfermagem por falta de conteúdos equivalentes.
Documento 2018/2106, relativo ao pedido de creditação enviado por Hugo Miguel Santos Duarte, n.º 7973, do CPLEEMC. Decisão do CTC: Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos das unidades curriculares do Curso de Especialização em Gestão de Unidade de Cuidados do Curso de Mestrado em Enfermagem à Pessoa em Situação Crítica da Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico de Leiria, concluídas com aproveitamento, por 
Hugo Miguel Santos Duarte, no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis e do parecer da coordenadora do respetivo curso, o CTC, decidiu deferir o pedido nos termos seguintes:
- Epistemologia da Enfermagem – creditada com 14 valores (a partir da unidade curricular "A Pessoa em Situação Critica ou Falência Orgânica”, com a classificação de 14 valores);
- Doente em Estado Critico – creditadas com 18 valores (a partir das unidades curriculares "Processos Complexos de Doença Critica e/ou Falência Orgânica” e "Enfermagem à Pessoa em Situação Critica e/ou Falência Orgânica” com as classificações de 17 e 19 valores, respetivamente);
- Controle de Infeção (optativa) – creditada com 20 valores (a partir da unidade curricular "Prevenção e controlo da IACS - Infeção associada aos Cuidados de saúde", com a classificação de 20 valores);
- Introdução à Supervisão Clinica em Enfermagem – creditada com 19 valores (a partir da unidade curricular "Supervisão de Cuidados", com a classificação de 19 valores;
- Qualidade em Saúde (optativa) – creditada com 18 valores (a partir da unidade curricular de "Gestão em Enfermagem" com a classificação de 18 valores);
- Enfermagem médico-cirúrgica I – Competências avançadas – creditada com 17 valores (a partir das unidades curriculares "Ensino Clínico I: Urgência” e "Ensino Clínico II: Cuidados Intensivos” com a classificação de 16 e 18 valores, respetivamente);
- Prática Baseada na Evidência – creditada com 17 valores (a partir da unidade curricular "Metodologia de Investigação Aplicada”, com a classificação de 17 valores);
O CTC decidiu ainda, denegra a creditação às unidades curriculares Gestão de Casos, Transição Saúde/doença, Processos adaptativos e autocontrolo, Economia em Saúde, Autocuidado e Ética de Enfermagem por falta de conteúdos equivalentes.
O CTC decidiu ainda, denegar a creditação às unidades curriculares Gestão de Casos, Transição Saúde/doença, Processos adaptativos e autocontrolo, Economia em Saúde, Autocuidado e Ética de Enfermagem por falta de conteúdos equivalentes.



Ata n.º 30/2018 do CTC de 23 de julho

Documento 2018/2016, relativo ao pedido de creditação enviado por Sandra Rita Pereira Fernandes, n.º 7996, solicitando creditação a unidades curriculares (UC) do CPLEESIP. Decisão do CTC: Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos das unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Sandra Rita Pereira Fernandes, no Curso de Mestrado em Ciências da Educação da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto e no Doutoramento em Enfermagem da Universidade Católica, tendo em conta o parecer da coordenadora do curso e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu deferir o pedido nos termos seguintes: 
=> "Introdução à Supervisão Clínica em Enfermagem” (2 ECTS) - creditada sem nota (a partir da UC Gestão das Unidades de Saúde e Serviços de Enfermagem do Doutoramento em Enfermagem e das UC Análise Crítica das Teorias em Educação, Questões Aprofundadas de Avaliação em Educação, Questões Aprofundadas em Avaliação e Políticas de Formação e da dissertação de Mestrado em Ciências da Educação intitulada "Avaliação de desempenho dos enfermeiros com estratégias de negociação identitárias” do Curso de Mestrado em Ciências da Educação). 
=> Prática baseada na evidência (2 ECTS) – creditada sem nota (a partir das unidades curriculares Métodos de Investigação I e II e Seminário de Projeto do Doutoramento em Enfermagem e pela conclusão do Mestrado em Ciências da Educação).

Documento 2018/2109, relativo ao pedido de creditação enviado por Sandra Raquel Lopes Pessoa, n.º 8011, solicitando creditação a unidades curriculares do MEC. Decisão do CTC: Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos do Curso de Pós–Licenciatura de Especialização em Enfermagem Comunitária, da Escola Superior de Enfermagem Dr. José Timóteo Montalvão Machado, concluídas com aproveitamento, por Sandra Raquel Lopes Pessoa, tendo em conta o parecer da coordenadora do curso e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu deferir o pedido nos termos seguintes: 
=> «Estratégias de Intervenção» (4 ECTS) – creditada com 17 valores (a partir das unidades curriculares Tecnologias da Informação e Comunicação, com a classificação de 17 valores e Práticas Pedagógicas, com a classificação de 17 valores); 
=> Intervenção familiar (2 ECTS) - creditada com 18 valores (a partir da unidade curricular Enfermagem na Comunidade, com a classificação de 18 valores); 
=> Planeamento em Saúde (3 ECTS) - creditada com 17,18 valores (a partir das unidades curriculares Planeamento, Administração e Gestão, com a classificação de 16 valores, Enfermagem na Comunidade, com a classificação de 18 valores e Epidemiologia e Estatística, com a classificação de 16 valores; 
=> Epistemologia da enfermagem (2 ECTS) – creditada com 18 valores (a partir da unidade curricular Enfermagem na Comunidade, com a classificação de 18 valores); 
=> Ética de Enfermagem (2 ECTS) – creditada com 17 valores (a partir da unidade curricular Ética e Deontologia, com a classificação de 17 valores); 
=> Saúde Ocupacional (2 ECTS) – creditada com 16 valores (a partir da unidade curricular Higiene, Segurança e Ergonomia, com a classificação de 16 valores),
=> Saúde Comunitária (9 ECTS) – creditada com 18 valores (a partir da unidade curricular Enfermagem na Comunidade, com a classificação de 18 valores).
Atendendo ao facto do Curso de Pós-Licenciatura de Especialização em Enfermagem Comunitária, da Escola Superior de Enfermagem Dr. José Timóteo Montalvão Machado, à data da sua conclusão pela estudante, adotar uma organização anterior ao "processo de Bolonha”, as classificações apuradas, para efeitos de creditação, foram computadas de forma ponderada, considerando o total de horas de contacto de cada uma das unidades curriculares concluídas pela estudante naquele curso.



Ata n.º 28/2018 do CTC de 2 de julho

Documento 2018/1922, relativo ao pedido de creditação enviado por Márcia de Fátima Gouveia de Deus, estudante n.º 7985, do CPLEESIP. Decisão do CTC: Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos das unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Márcia de Fátima Gouveia de Deus no Curso de Mestrado em Ciências de Enfermagem do Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar, tendo em conta o parecer da coordenadora do curso e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu deferir o pedido nos termos seguintes: 
- "Socioantropologia da Infância e da adolescência em contexto familiar” (2 ECTS) - creditada sem nota (a partir da UC Socioantropologia da Saúde, do Curso de Mestrado em Ciências de Enfermagem, frequentado no Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar da Universidade do Porto); 
- Epistemologia da enfermagem (2 ECTS) – creditada sem nota (a partir da unidade curricular de Ciências de enfermagem II, do Curso de Mestrado em Ciências de Enfermagem do ICBAS); 
- Ética de enfermagem (2 ECTS) – creditada sem nota (a partir da unidade curricular de Ética e deontologia e Ciências de enfermagem I, do Curso de Mestrado em Ciências de Enfermagem do ICBAS); 
- Prática baseada na evidência (2 ECTS) – creditada sem nota (a partir das unidades curriculares de Ciências de enfermagem I e Investigação em Enfermagem, do Curso de Mestrado em Ciências de Enfermagem do ICBAS).



Ata n.º 26/2018 do CTC de 25 de junho

Documento 2018/1870, relativo ao pedido de creditação enviado por Filipe Manuel Paiva dos Santos, estudante n.º 7926, do CPLEEMC. Decisão do CTC: Analisado o processo instruído com os conteúdos programáticos das unidades curriculares concluídas com aproveitamento por Filipe Manuel Paiva dos Santos, no Curso de Especialização em Gestão de Unidade de Cuidados do Curso de Mestrado em Enfermagem da Escola Superior de Enfermagem de Coimbra, tendo em conta o parecer da Coordenadora do curso e no respeito pelas disposições regulamentares aplicáveis, o CTC decidiu deferir o pedido nos termos seguintes:
- Epistemologia da Enfermagem – creditada com 17 valores (a partir da unidade curricular de Pensamento Teórico e Conceção da Prática de Enfermagem com a classificação de 17 valores);
- Introdução aos Sistemas de Informação em Enfermagem (optativa) – creditada com 17 valores (a partir da unidade curricular Introdução aos Sistemas de Informação em Enfermagem com a classificação de 17 valores);
- Economia em Saúde – creditada com 17 valores (a partir da unidade curricular de Economia e Politica da Saúde com a classificação de 17 valores);
- Prática Baseada na Evidência – creditada com 19 valores (a partir da unidade curricular de Metodologias de Investigação em Enfermagem com a classificação de 19 valores).

« Voltar

Pesquisa
Quem é quem?
Use esta funcionalidade para encontrar informação de contacto sobre Docentes, Funcionários e Alunos.
Sondagem